Blog DC Barro Primordial

No mesmo mês em que o gibi Batman 1 apresentou os consagrados vilões Coringa e Mulher-Gato, em junho de 1940, a revista Detective Comics 40 trouxe a estreia de Basil Karlo, um assassino que, embora não compartilhasse o brilho de seus colegas foras da lei, iniciou um legado do crime. Após ele, diversas pessoas adotaram o nome Cara de Barro e, por mais de uma vez, se encontraram e tiveram suas características mescladas. Foi dessa mistura que o roteirista James Tynion se inspirou para criar a atual encarnação do personagem, que após uma trajetória de quase 80 anos está mais fascinante do que nunca.

“Ele foi o último membro a integrar o elenco de personagens de Detective Comics, e há algumas razões para o termos escolhido”, revelou o roteirista em entrevista exclusiva à nossa redação. A primeira foi a necessidade de ter um personagem imprevisível nos Cavaleiros de Gotham, alguém cuja participação fosse questionada pelos leitores. Além disso, a equipe estava muito homogênea, composta apenas por heróis furtivos. Por fim, era necessário algum personagem com poderes para acrescentar dinamismo às cenas de ação. (…)

[Leia a matéria completa em Detective Comics 21]


Marcado como: