Por Bernardo Santana

Harvey Kurtzman

Harvey Kurtzman (clique para ampliar)

Foram divulgados hoje os indicados ao prestigiado Harvey Awards deste ano. Apesar de não ser tão famoso quanto seu primo mais rico — o Eisner Awards — o Harvey (batizado em homenagem ao lendário quadrinhista Harvey Kurtzman) é o único dos grandes prêmios da indústria estadunidense no qual os premiados são escolhidos exclusivamente por seus pares. Ou seja, outros desenhistas, roteiristas, arte-finalistas etc.

Este ano, a cerimônia de entrega dos prêmios deve acontecer em 20 de agosto e, como sempre, será durante a convenção Baltimore Comic-Con.

Confira as várias indicações deste ano conseguidas pela Marvel e DC em alguns dos principais prêmios [e para ver todos os indicados, clique aqui!]:

Melhor arte-finalista:
– Gabriel Hardman, por Agents of Atlas (Marvel)
– Mark Morales, por Thor (Marvel)

Melhor antologia:
– Strange Tales, Volume II 1, editada por Jody Leheup (Marvel)

Melhor roteirista:
– Roger Langridge, por Thor: The Mighty Avenger, (Marvel)

Melhor colorista:
– Jose Villarrubia, por Cuba: My Revolution (Vertigo/DC)
– Laura Martin, por The Stand (Marvel)

Melhor nova série:
– American Vampire, por Scott Snyder, Stephen King e Rafael Albuquerque (Vertigo/DC)
– Thor: The Mighty Avenger, por Roger Langridge e Chris Samnee (Marvel)

Talento promissor do ano:
– Scott Snyder, por American Vampire (Vertigo/DC)
– Chris Samnee, por Thor: The Mighty Avenger (Marvel)

Melhor projeto de reimpressão:
– Superman Vs. Muhammad Ali, por Neal Adams e Dennis O’Neil (DC)

Melhor capista:
– Frank Quitely, por Batman & Robin (DC)
– Marcos Martin, por Amazing Spider-Man (Marvel)

Melhor série regular ou limitada:
– Daytripper, por Fábio Moon e Gabriel Bá (Vertigo/DC)
– Fantastic Four, por Jonathan Hickman e Dale Eaglesham (Marvel)

Melhor artista:
– Dean Haspiel, por Cuba, My Revolution (Vertigo/DC)
– Chris Samnee, por Thor: The Mighty Avenger (Marvel)

Melhor cartunista:
– Jeff Lemire, por Sweet Tooth (Vertigo/DC)

Melhor edição ou história única:
– Daytripper, por Fábio Moon e Gabriel Bá (Vertigo/DC)