DEMÔNIOS DO FUTURO

Contra as sombras do amanhã

Contra as sombras do amanhã

No início do mês que vem, o decenauta fiel novamente vai fazer uma viagem ao não muito simpático futuro do Universo DC na continuação de um dos títulos mais repletos de aventura de todo o Renascimento: Batman do Futuro!

A equipe criativa formada pelo roteirista Dan Jurgens (A Morte do Superman)e pelo desenhista Bernard Chang (Tropa dos Lanternas Verdes) — ao lado de mais alguns talentos da Editora das Lendas — agora coloca o Morcego do Amanhã diante de um dilema que ele nunca encarou: se dedicar mais a sua vida pessoal ou deixar sua persona heroica dominar (literalmente) sua existência? Para complicar um pouco mais a vida de Terry McGinnis, um antigo inimigo de seu antecessor está de volta. E nem a ajuda de um recém-retornado Bruce Wayne vai ajudar o Cavaleiro das Trevas a superar o que a Cabeça do Demônio preparou dessa vez…

Batman do Futuro vol. 2 (formato americano, capa couché, miolo LWC, 164 páginas, R$ 20,90) chega às bancas e comic shops em meados de março e vai incluir as edições originalmente publicadas lá fora em Batman Beyond 6-12.


O amanhã do Morcego

Adeus?

Adeus?

Com a mensal do Batman chegando a seu último número em janeiro e com a conclusão das aventuras de James Gordon como Cavaleiro das Trevas saindo ainda este mês em Batman Anual: Idade do Bronze, somente uma revista do antigo mix do Cavaleiro das Trevas ainda estava sem destino: Batman do Futuro. Estava! Em meados de março, chega às bancas e comic shops do país o especial Batman do Futuro: Choque de Identidade.

O encadernado trará as histórias originalmente publicadas nos EUA nas revistas Batman Beyond 12 a 16, nas quais Dan Jurgens (roteiro) e Bernard Chang (desenhos) encerram a fase pré-Renascimento do herói com uma revelação estarrecedora, que coloca para girar as engrenagens de tudo o que vem por aí na vida do Morcego do Amanhã.

Batman do Futuro: Choque de Identidade terá 116 páginas, miolo LWC, capa couché e vai custar R$ 13,20.

Em breve, mais novidades!


O outro Homem de Aço

Os bons tempos estão de volta (?)

Os bons tempos estão de volta (?)

Se você é um desses leitores que sente falta daquele Superman a quem todos costumavam chamar de “escoteirão” — hoje substituído pelo Super um pouco mais barra-pesada dos Novos 52 —, pode comemorar! Chega às bancas e comic shops em setembro a edição especial encadernada Superman: Lois & Clark, estrelada por uma versão, digamos, mais “clássica” do herói.

Quem acompanhou a megassaga Convergência, lançada no início do ano por aqui, sabe que, ao final daquele evento, um Superman de outra realidade acabou exilado no atual Universo DC juntamente com sua esposa Lois e seu filho. Em Superman: Lois & Clark, o roteirista Dan Jurgens (Superman, Gladiador Dourado) e o desenhista Lee Weeks (Demolidor, Wolverine) vão mostrar o cotidiano nada pacato dessa família, tentando viver escondida em um mundo que não entende muito bem, mas que possui similaridades (algumas delas, terríveis) com sua realidade natal. E é claro que o Homem de Aço, seja lá de que lugar venha, não consegue se omitir quando pode ajudar a humanidade… mesmo quando isso significa arriscar tudo o que ama!

Incluindo as histórias originalmente publicadas lá fora nas oito edições da série Superman: Lois & Clark, o encadernado chega no final do mês que vem com 196 páginas, capa cartão, miolo LWC e com preço sugerido de R$ 25,90.


Nova roteirista para o novo Arqueiro Verde

O novo Arqueiro Verde
O novo Arqueiro Verde (clique para ampliar)

Por Bernardo Santana

O novo Arqueiro Verde

O novo Arqueiro Verde (clique para ampliar)

Parece que a DC Comics está começando a responder às críticas recentes ao seu reboot, que contestavam o baixo número de criadoras nas fileiras da editora. A veterana roteirista, jornalista e escritora Ann Nocenti (Novos Mutantes, X-Men) irá assumir o novo título do Arqueiro Verde a partir da edição 7.

Green Arrow vinha sendo escrita por J.T. Krul (Novos Titãs) e desenhada por Dan Jurgens (Superman, Gladiador Dourado) e já estava com uma troca de roteirista marcada para a edição 4, quando entraria Keith Giffen. Ao que parece, essa foi só uma medida de emergência para cobrir a saída de Krul, dizem, por causa da recepção fria da revista lá fora.

Sobre escrever o Arqueiro, Nocenti declarou: “Estou empolgadíssima pra escrever Green Arrow. Gosto da impulsividade dele (..) seu heroísmo é instintivo. Começarei escrevendo uma trilogia maluca cheia de surpresas chocantes. O Arqueiro vai conhecer uma nova mulher (…) e um novo tipo de vilão. Vai ser uma jornada emocionante.”

E agora? Quem será a próxima equipe criativa a ser mudada? Parece que a DC não está com muitos escrúpulos em substituir quem não está agradando… Vamos aguardar a próxima “vítima”.


George Pérez deixa Superman

Por Bernardo Santana

Capa de Superman 1

Capa de Superman 1 (clique para ampliar)

Em notícia publicada hoje, o site estadunidense especializado em HQs Newsarama agitou a indústria dos quadrinhos com uma notícia que pode ser tanto bombástica como simplesmente normal, mas que tem potencial pra deixar muita gente triste: George Pérez deixará o novo título do Homem de Aço a partir da edição 7. Com ele, sai também o artista Jesús Merino, que vinha finalizando a arte esboçada do velho mestre.

A matéria do site não indica fontes e a DC também ainda não confirmou a informação, mas o que se diz é que a dupla será substituída por Keith Giffen e Dan Jurgens.

Ou seja, por enquanto é tudo um grande boato, mas as causas indicadas para a saída de Pérez e Merino vão desde a recepção morna que Superman 1 levou da crítica nos EUA, até o simples fato de que a DC pode estar apenas revezando suas equipes criativas de seis em seis meses, como já foi dito que poderia acontecer.

É dito também que o veterano roteirista/desenhista pode até mesmo continuar na revista, mas trabalhando como arte-finalista. A gente aguarda o desenvolvimento dessa história…


Em outubro: temporada de caça ao Morcego!

Por Bernardo Santana

Mestres do Tempo: A Busca Por Batman

Mestres do Tempo: A Busca Por Batman (clique para ampliar)

No mês que vem, chega às bancas e comic shops de todo o Brasil a história que reúne simplesmente Superman, Lanterna Verde, Gladiador Dourado e o guardião do tempo Rip Hunter em uma busca vertiginosa por um dos maiores heróis da DC, desaparecido há meses: o Batman!

Mestres do Tempo: A Busca por Batman será um especial de 148 páginas — mais detalhes do encadernado a gente divulga em breve! — e é escrito pelo praticamente-veterano Dan Jurgens (Gladiador Dourado) e desenhado também por ele, com ajuda de Norm Rapmund.

Além de ligada a O Retorno de Bruce Wayne (atualmente saindo em A Sombra do Batman), a história também começa a pavimentar o caminho para a próxima grande –  e transformadora! – saga da DC Comics: Ponto de Ignição!

Sim, isso mesmo. É aqui que de certa forma começa o megacomentado reboot da editora!


Abril, mês do asgardiano feliz

Por Bernardo Santana

CapaComo todo mundo sabe, no final deste mês — dia 29, pra ser exato — estreia em terra brasilis o filme do Deus do Trovão da Marvel Comics, Thor, estrelado por Chris Hemsworth (o próprio Thor Odinson), Anthony Hopkins (Odin) e Natalie Portman (Jane Foster). Pois bem, responda rápido:  o que temos quando estreia um filme de personagem Marvel/DC por aqui? Bingo! Uma montanha de lançamentos em quadrinhos relacionados!

Então, tome nota, porque entre abril e maio, o filho de Odin vai ganhar três edições especiais pra comemorar seu debut nas telonas:

Marvel + Aventura 2: Thor — A nova revista bimestral da Marvel, que resgata antigas histórias clássicas dedica, sua edição deste mês ao Deus do Trovão, republicando The Mighty Thor 51. Nela, Dan Jurgens (roteirista do título na época) nos mostra o Homem-Aranha indo pedir explicações para Thor em relação à cidade de Asgard… e ao fato de ela estar flutuando sobre Nova York! Um marcante momento da fase de Jurgens, em que o Filho de Odin tentou consertar o mundo sozinho… e na marra!

Capa 2Os Maiores Clássicos do Poderoso Thor: Walt Simonson 4 — Poucas pessoas deixaram sua marca num personagem de modo tão marcante quanto Walt Simonson. Com histórias épicas de heroísmo e traição, amor e guerra, o trabalho de Simonson com frequência é considerado o Thor definitivo. E, agora, esse trabalho volta às bancas em uma edição especial encadernada com 196 páginas, incluindo o período em que Thor viveu na Terra como Sigurd Jarlson e o envolvimento do deus do trovão na saga Massacre de Mutantes!

Marvel Deluxe Thor vol. 1: O Renascer dos Deuses — Em uma história que somente o premiado roteirista J. M. Straczynski (Homem-Aranha, Poder Supremo) e o aclamado desenhista Olivier Coipel (Dinastia M) poderiam conceber, o Deus do Trovão é resgatado do esquecimento pós-Ragnarok por seu alter ego mortal, o dr. Donal Blake.  Uma edição encadernada de alto padrão com 160 páginas, mostrando o momento em que Thor foi reintegrado ao Universo Marvel.

[E amanhã: um dos grupos de heróis da DC mais adorados de todos os tempos… vai voltar às bancas!]