Sonhando com morcegos

Batman vai a Tóquio

Batman vai a Tóquio

[Caros decenautas, essa edição foi reprogramada. Quando tivermos uma nova data de lançamento, anunciamos aqui]

Depois do sucesso de Batman: A Máscara da Morte, lançado no ano passado pela Panini, chega em julho um novo mangá estrelado pelo Homem-Morcego mais famoso dos quadrinhos.

Batman: Filhos do Sonho, de Kia Asamiya (Dark Angel, Martian Successor Nadesico) é um épico na melhor tradição dos quadrinhos japoneses e mostra o Cavaleiro das Trevas tendo que encarar os efeitos de uma droga capaz de transformar as pessoas em quem elas mais desejam ser… ao preço de suas vidas! Para piorar ainda mais a situação, essa crise acaba se provando intimamente ligada à carreira do protetor de Gotham City.

Publicada originalmente no Japão (a partir de novembro de 2000) na revista mensal Monthly Magazine Z, a história foi em pouco tempo lançada também nos EUA como encadernado em 2003.  Aqui, Batman: Filhos do Sonho vai sair no mesmo formato de A Máscara da Morte. A publicação chega às bancas no final do mês com 348 páginas, capa cartão, formato 13,7 x 20 cm e a R$ 19,90.


Morcego Mangá

Batman: A Máscara da Morte (clique para ampliar)

Batman: A Máscara da Morte (clique para ampliar)

Não só de Viliania Eterna viverá o Universo DC no mês de julho, caro e sempre ansioso decenauta! O mês que chega em breve trará (entre outras novidades a serem anunciadas) mais uma edição comemorativa que faz parte dos festejos de 75 anos do Homem-Morcego mais amado dos quadrinhos. E estamos falando de Batman: A Máscara da Morte, incrível história mezzo mangá mezzo comics de autoria do consagrado mangaká Yoshinori Natsume (de Togari e Kurozakuro).

Na trama, há um novo assassino à solta em Gotham e sua aparição coincide com a chegada de um ambicioso homem de negócios japonês, cuja assistente é idêntica a uma jovem mulher que Bruce Wayne conheceu anos atrás. O Cavaleiro das Trevas se vê então assombrado por seu passado (quando treinou no Japão e ficou cara a cara com o lado sombrio de sua natureza), encarnado em um assassino que o herói não consegue decidir se é um homem, um demônio ou uma manifestação distorcida de seu próprio eu!

Além de ser um conto de tirar o fôlego, A Máscara da Morte também é uma edição interessante para qualquer fã da nona arte, fã do Batman ou não; uma obra onde podemos ver um ás dos mangás trazer sua perspectiva única a um personagem lendário, ao mesmo tempo em que tenta adaptar sua arte ao exigente mercado estadunidense. E o melhor: o resultado não decepciona!

Batman: A Máscara da Morte (Formato 12,7 x 18,8 cm, capa cartão, lombada quadrada, papel Pisa-brite, 204 páginas, R$ 12,90) chega às bancas no final de julho trazendo as 4 edições da mínissérie original Batman: Death Mask.