Lendas em dose dupla

Capa da primeira edição da coleção

Capa da primeira edição da coleção

Quando o consagrado editor Julius Schwartz convocou o roteirista Dennis O’Neil e o desenhista Neal Adams para revitalizar o título do Lanterna Verde, a revista passou a apresentar – além da cada vez mais espetacular arte de Adams – conteúdos muito mais próximos das questões sociais prementes que permeavam a época. Tal abordagem, somada à presença do rebelde Arqueiro Verde fazendo contraponto à atitude mais “ordeira” de Hal Jordan, catapultou as histórias a seu atual status de lenda absoluta. E essa lenda mais uma vez volta às bancas do país em novembro e dezembro!

A coleção Lendas do Universo DC: Lanterna Verde/Arqueiro Verde traz de volta, na íntegra, uma fase que não só influencia os quadrinhos até hoje, como permanece uma leitura espetacular. Serão três volumes de 132 páginas com o mesmo acabamento das coleções Lendas do Cavaleiro das Trevas e Lendas do Homem de Aço: capa cartão e miolo offset (preço ainda a ser anunciado). As aventuras publicadas são as que originalmente saíram lá fora em Green Lantern 76-87 e 89 e, como histórias secundárias, em The Flash 217-219 e 226.

Para os fãs dos personagens (ou simplesmente para aqueles que curtem narrativas gráficas de qualidade), mais uma chance sem igual de ter um material que faz parte da história das HQs!


choque de ícones!

Por Bernardo Santana

Capa da edição nacional

Capa da edição nacional (clique para ampliar)

Num canto do ringue, lançado do planeta Krypton e energizado pelo sol amarelo da Terra, está o Homem de Aço. No outro, criado em Louisville, Kentucky, e energizado pelo estudo contínuo da nobre arte, está o Maioral em pessoa. Na plateia, todos os leitores brasileiros esperando há décadas por uma nova edição nacional de um dos maiores clássicos das HQs de todos os tempos: Superman vs. Muhammad Ali.

Em dezembro, a espera chega ao fim.

Idealizada e erigida pelos lendários criadores Dennis O’Neil, Neal Adams, Dick Giordano e Terry Austin, a história de dois ícones se encontrando e se vendo forçados a duelar para decidir quem terá a honra de defender o planeta de uma armada alienígena se tornou um clássico instantâneo e controverso desde sua publicação, em 1978.

Agora, a Panini Books lança uma edição luxuosa (formato 18,5 x 27,5 cm, 100 páginas, papel couché, capa dura) com a história completa e extensos extras, detalhando a criação tumultuada e genial desse momento único dos comics, que colocou frente a frente dois ícones incontestáveis de seu tempo.

Aquele adjetivo tão comumente utilizado por nós deve ter sido inventado pra essa ocasião… Imperdível!


Wolverine por Neal Adams… e Christos Gage!

Por Bernardo Santana

Wolverine por Neal Adams

Wolverine por Neal Adams

Ah, as coisas que o twitter faz pelo leitor de quadrinhos… Pode demorar bastante (visto que Neal Adams trabalha atualmente na maxissérie Batman Odyssey, da DC), mas pelo que o lendário desenhista soltou hoje em seu microblog na rede social, ele deve mesmo começar a trabalhar muito em breve em uma mini estrelando Wolverine… uma colaboração com o roteirista Christos Gage (Vingadores: A Iniciativa, X-Men/Homem-Aranha)!

Confira um pouco mais de detalhes (mas não muitos) sobre o futuro projeto pelas palavras do próprio Adams: “Acabo de terminar New Avengers 16.1, escrita por @BRIANMBENDIS, que vem dizendo coisas bem legais sobre meu trabalho (…) limpando a prancheta para começar um projeto em cinco partes com Wolverine, projeto que a Marvel renomeou como ‘O primeiro (alguma coisa)’! Acho que não posso revelar mais.”

Parece um pouco cedo para um anúncio oficial da Casa das Ideias sobre o material, mas achamos que já dá pra comemorar…