Ponto de Ignição dissecado

Por Bernardo Santana

Fato Flash: ele sobreviveu!

Fato Flash: ele sobreviveu! (clique para ampliar)

Com a chegada da minissérie Ponto de Ignição às bancas nos próximos dias e seus desdobramentos em Universo DC 20 (fevereiro), é bem possível que muitos leitores comecem a arrancar os cabelos tentando montar as peças do quebra-cabeça criado por Geoff Johns e seus comparsas durante a saga.

Pois bem, essas dúvidas não vão durar muito tempo: chega em março às bancas, o primeiro número da série de três especiais mensais Ponto de Ignição Especial (formato americano, 144 páginas, papel LWC, capa cartão, R$ 16,90, distribução nacional), que servirão para explorar melhor o distópico “mundo paralelo” da DC.

Nessa primeira edição, que inclui o especial The World of Flashpoint 1 (por Rex Ogle, Eduardo Francisco e Paulo Siqueira), mais as minis completas FP: Green Lantern Abin Sur (Adam Schlagman e Felipe Massafera) e FP: Hal Jordan (Adam Schlagman e Ben Oliver), teremos um panorama geral tanto do planeta à beira da destruição que se tornou a Terra, quanto do cosmo do UDC, focando o destemido defensor do setor espacial 2814, Abin Sur (!), e o homem que deveria/poderia tê-lo sucedido, Hal Jordan.

Em breve a gente deve adiantar o que sai nas próximas edições.


E o nome dela é…

Por Bernardo Santana

Fora da caixa.

Fora da caixa. (clique para ampliar)

A DC Comics abriu os trabalhos de 2012 hoje pela manhã… e já voltou querendo atenção! Logo no início do dia (lá na terra do Tio Sam), o editor-chefe Bob Harras postou no blog oficial da casa, o The Source, uma imagem inédita — veja ao lado — da tão comentada “personagem misteriosa” que vem aparecendo nos gibis pós-reboot. Não satisfeito, o cabeça finalmente revelou o nome da danada.

E o nome dela é Pandora.

E foi só isso mesmo. Pelo epíteto apocalíptico da moça, podemos imaginar que sua presença venha trazer uma boa dose de encrenca da grossa para o recém-nascido novo universo da DC.Vale lembrar que Pandora foi avistada em todos os primeiros números dos títulos do reboot e também na última edição de Ponto de Ignição (saga que começa a pintar este mês nas bancas, a propósito).

A gente divulga mais novidades quando a editora resolver liberar mais alguma migalha de informação.


Ponto de Ignição aponta na reta

Por Bernardo Santana

Ponto de Ignição vem aí. E vem rápido!

Ponto de Ignição vem aí. E vem rápido! (clique para ampliar)

O fatídico ano de 2012 se aproxima cada vez mais e, com ele, os fãs brasileiros terão a oportunidade de contemplar o fim de (pelo menos) um mundo: o Universo DC! Mas calma lá, apoquentado leitor, que o que Ponto de Ignição (minissérie em 5 edições, formato americano, papel LWC, capa couché, estreia em janeiro) irá fazer é simplesmente reiniciar tudo na editora!

A história mostra um presente distorcido do universo de histórias da DC; um lugar onde Superman, Batman, Mulher-Maravilha e quase todos os outros heróis são muito diferentes daqueles a que estamos acostumados. Muitos, inclusive, nem mais podem ser chamados de “heróis”! Resultado: o planeta inteiro ruma para a destruição completa, a menos que o Flash, o único que ainda guarda lembranças de como o mundo deveria ser, consiga unir seus poucos aliados e alterar a história. A mini principal conta com uma dupla criativa dos sonhos, formada por Geoff Johns (Lanterna Verde) e Andy Kubert (Batman).

A primeira edição de Ponto de Ignição vai trazer os números 9, 10 e 11 da revista do Velocista Escarlate, que servem como prólogo da saga. A partir de fevereiro, edições e minisséries de apoio passam a sair nas revistas mensais da Liga da Justiça, Universo DC e em Ponto de Ignição Especial. Mais pra frente a gente libera outras informações sobre isso. Até lá, vá se despedindo do UDC ao qual está acostumado!


Troca de Pauls em Stormwatch

Por Bernardo Santana

Stormwatch!

Stormwatch! (clique para ampliar)

A DC Comics anunciou hoje via seu blog oficial, The Source, mais uma mudança nas equipes criativas de seus títulos pós-reboot. Desta vez, a revista Stormwatch é a bola da vez, tendo seu atual roteirista Paul Cornell (Wisdom, Action Comics) substituído por Paul Jenkins (Hellblazer, Inumanos).

A estadia de Jenkins, no entanto, só deve durar dois meses – edições 7 e 8 da revista – e nada foi dito sobre quem assume depois ou sobre o que vai acontecer com o ilustrador atual do título, o mexicano Miguel Sepulveda (Invasão Secreta: X-Men).

Segundo a curta sinopse da história de Cornell liberada, o roteirista vai colocar a equipe, uma vez parte do universo Wildstorm, contra adversários de outra dimensão que pretendem roubar a gravidade da Terra.

A notícia também chamou atenção da mídia especializada lá fora porque Stormwatch supostamente pode ser o título escolhido pela DC para detalhar melhor quem é e o que quer a figura encapuzada misteriosa que aparece em Ponto de Ignição e em todas as edições número 1 do reboot. Que tratem muito bem dele, então!


Em outubro: temporada de caça ao Morcego!

Por Bernardo Santana

Mestres do Tempo: A Busca Por Batman

Mestres do Tempo: A Busca Por Batman (clique para ampliar)

No mês que vem, chega às bancas e comic shops de todo o Brasil a história que reúne simplesmente Superman, Lanterna Verde, Gladiador Dourado e o guardião do tempo Rip Hunter em uma busca vertiginosa por um dos maiores heróis da DC, desaparecido há meses: o Batman!

Mestres do Tempo: A Busca por Batman será um especial de 148 páginas — mais detalhes do encadernado a gente divulga em breve! — e é escrito pelo praticamente-veterano Dan Jurgens (Gladiador Dourado) e desenhado também por ele, com ajuda de Norm Rapmund.

Além de ligada a O Retorno de Bruce Wayne (atualmente saindo em A Sombra do Batman), a história também começa a pavimentar o caminho para a próxima grande –  e transformadora! – saga da DC Comics: Ponto de Ignição!

Sim, isso mesmo. É aqui que de certa forma começa o megacomentado reboot da editora!